Este site utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de navegação. Ao continuar navegando, você concorda com o uso de cookies.
Política de Privacidade
Aleitamento Materno - Qual a sua importância?
0 0
0 0

Agosto dourado: a importância do aleitamento materno


Neste mês entramos oficialmente no agosto dourado. Trata-se de um período dedicado a abordar a importância da amamentação, tanto para as mães quanto para os bebês. Além de ser a base da vida futura da criança, o aleitamento materno é um processo indispensável.
 

 

Assim sendo, veja a seguir mais informações sobre o assunto. Saiba a importância das atividades realizadas ao longo de agosto para a conscientização em torno do tema e entenda todos os benefícios da amamentação para a saúde o bem-estar de mães e filhos.

1) Informações principais sobre o agosto dourado

 Esse mês e sua cor foram escolhidos pela Organização Mundial da Saúde. Com relação a cor dourada, a razão está no fato do leite materno ser considerado um alimento “de ouro” para o bebê. Afinal de contas, é com ele que a criança crescerá e se desenvolverá saudavelmente.

Tamanha é a importância da amamentação que ela é capaz de reduzir em até 13% o índice de mortalidade infantil até os cinco anos de idade. Mas esse não é o único benefício que o processo é capaz de trazer, uma vez que:

  • O leite materno é fundamental para ajudar a criança no pleno desenvolvimento físico e mental;
  • Trata-se de um alimento completo, com todas as vitaminas e minerais que o bebê precisa;
  • Além disso, ele fortalece os ossos, consolida o sistema imunológico e elimina o risco de doenças diversas ao longo da vida;
  • Por fim, o aleitamento em nível psicológico também é fundamental, pois ajuda a criança a desenvolver uma relação saudável de proximidade com a mãe.

Até os seis meses de idade, a amamentação é indispensável para os bebês. O leite materno tem absolutamente tudo o que ela precisa para se desenvolver de forma saudável, inclusive água. Assim sendo, o agosto dourado desempenha um papel muito importante.

2) Benefícios da amamentação também para as mães

Durante o agosto dourado, procura-se chamar a atenção para o quanto a amamentação também faz diferença na vida das mulheres. Afinal de contas, durante esse período o seu corpo acaba passando por algumas modificações importantes.

Nesse sentido, o aleitamento materno traz muitos benefícios para a saúde física e emocional das mulheres, que incluem, por exemplo:

  • Redução significativa de chance de alguns tipos de cânceres, como o de mama e o de ovário, por exemplo;
  • Fortalecimento dos laços e do contato com o bebê, criando o importante vínculo entre mãe e filho;
  • Prevenção de doenças diversas que podem atacar o sistema imunológico, incluindo quadros de anemia;
  • Fortalecimento nos níveis de segurança com relação ao processo de maternidade em si e na criação do bebê.

Após o bebê completar seis meses de idade, o aleitamento pode ser diminuído aos poucos, com a inserção de outros alimentos. Mas, se possível, a orientação é de que a mãe siga amamentando até pelo menos o primeiro ano de vida do filho. 

3) Por que o agosto dourado é tão importante?

A decisão e responsabilidade de amamentar os filhos é algo exclusivo das mães. Nesse sentido, cabe aos profissionais da saúde respeitar o tempo que elas julgam ser adequado para continuar com o aleitamento para seus bebês.

Mas o problema nesse sentido é que, para muitas mulheres, até mesmo o prazo mínimo de seis meses de amamentação acaba não sendo respeitado. Os motivos mais comuns para isso são:

  • Alguma condição específica que impede a produção adequada de leite para o bebê;
  • Fatores físicos, como dores ou doenças que podem afetar a mãe e o recém-nascido;
  • Além disso, problemas psicológicos por parte da mãe, como ansiedade e depressão pós-parto;
  • Por fim, até mesmo falta de preparo ou informação sobre o aleitamento, associado a orientações de profissionais da saúde.

Mulheres que estão sendo mães pela primeira vez, ou que tem filhos muito jovens, por exemplo, costumam viver esses problemas com mais intensidade. Assim sendo, é muito importante que durante o agosto dourado hajam campanhas de informação e conscientização que contemplem a importância da amamentação para mães e filhos.

 

 

4) Algumas dicas e conselhos importantes

Durante a fase de amamentação, é muito importante que a mãe e o bebê tenham o suporte das pessoas próximas. Ao contrário do que muitos pensam, a maioria dos casos que envolvem a falta do aleitamento materno não envolvem negligência por parte das mulheres.

Ao não conseguir amamentar seus bebês, muitas mães acabam sofrendo com sentimentos de culpa, impotência, frustração e fracasso. Por isso é necessário haver um nível de compreensão adequado do que está acontecendo da melhor forma possível.

Nesse sentido, o papel do marido, amigos e familiares pode fazer toda a diferença. Para auxiliar no processo de amamentação, as pessoas do entorno podem:

  • Proporcionar um ambiente de apoio, carinho e conforto para a mãe e o bebê;
  • Estar por perto durante os desafios que a mulher enfrenta, como o cansaço e o estresse;
  • Procurar ajuda de profissionais de saúde que tenham de um atendimento humanizado.

Com relação ao último item, o atendimento de terapeutas especializados também pode fazer uma grande diferença. Isso porque a mulher pode sofrer com problemas psicológicos, que incluem sobretudo a depressão pós-parto. Assim sendo, a saúde mental da mãe também deve ser uma grande prioridade. 

5) Considerações finais sobre o agosto dourado

Durante esse mês, o foco está na importância de amamentar tanto para a saúde do bebê quanto da mãe. Essa é uma forma de criar um forte vínculo entre ambos, além de proporcionar uma saúde forte para a criança e ajudar a mulher a viver seu processo de maternidade.

Assim sendo, a conscientização do aleitamento materno deve vir de forma motivadora, levando em conta todas as dificuldades desse período para a mulher. Além disso, profissionais da área da saúde também tem um papel fundamental para garantir o sucesso nesse processo.

Na medida em que tanto a mãe quanto o filho puderem vivenciar todos os benefícios trazidos pela amamentação, o vínculo entre eles será construído de forma saudável. Por isso, é tão importante aproveitar o agosto dourado para falar sobre isso.

Por fim, cabe lembrar ainda que hospitais e terapeutas dispõem de um suporte completo para ajudar mães que tenham dificuldade nesse processo. Então, não hesite em procurar ajuda se for necessário para garantir uma amamentação saudável.

Foram encontrados 1 produtos nesta categoria (em 0,007 segundos)
Ordenar por:
Foram encontrados 1 produtos nesta categoria (em 0,007 segundos)
Ordenar por:

Produtos que você já viu

Você ainda não visualizou nenhum produto

Termos Buscados

Você ainda não realizou nenhuma busca
Newsletter
CADASTRE-SE E RECEBA OFERTAS EXCLUSIVAS: